Bolsas no Mestrado

Bolsas no Mestrado

 

O Curso de Pós-Graduação em Administração recebe anualmente quotas institucionais de bolsas de estudo concedidas pelas agências financiadoras CAPES e CNPq.

A aprovação no processo de seleção não garante acesso automático à bolsa, pois, além de depender da disponibilidade de bolsas concedidas por estas agências, os alunos devem atender aos requisitos por elas estabelecidos e aos critérios de desempenho acadêmico definidos pela Comissão de Bolsas.

Os alunos bolsistas devem realizar Estágio de Docência em disciplina da graduação, segundo normas definidas pelo Colegiado do Curso.

Alunos estrangeiros podem solicitar Bolsas do Programa PEC-PG/CAPES, junto às embaixadas e consulados brasileiros no exterior.

Conforme o Regimento do Programa de Pós-Graduação em Administração, há uma comissão de bolsas composta por, no mínimo, quatro (4) membros, sendo três (3) representantes do corpo docente, indicados pelo coordenador do Curso, e um (1) representante do corpo discente, integrante do Colegiado Pleno, este pelos alunos indicado ou pelo coordenador do Curso, respeitados os seguintes requisitos:

I – os representantes do corpo docente deverão fazer parte do quadro permanente de professores do Curso e garantir a representação de cada uma das linhas do Programa;

II – o representante discente deverá estar matriculado no Curso como aluno regular.

São atribuições da Comissão de Bolsas:

I – propor normas e critérios para a concessão e a renovação de bolsas no Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA);

II – alocar as bolsas disponíveis, a qualquer momento, no curso;

III – divulgar, junto ao corpo docente e discente, os critérios utilizados.

A Comissão de Bolsas se reunirá sempre que necessário e produzirá relatório a ser apreciado pelo Colegiado Pleno.

Parágrafo único – Das decisões da Comissão de Bolsas, caberá recurso ao Colegiado Pleno do Programa, conforme estabelecido em Edital.

Caso o PPGA tenha bolsas disponíveis, a comissão de bolsas estabelecerá edital(is) para a alocação destas bolsas. Mais informações estarão disponíveis no site assim que houver bolsas disponíveis.

IMPORTANTE: Por determinação do Presidente da CAPES, Prof. Abílio A Baeta Neves, via Portaria nº 206, de 04 de setembro de 2018, publicada no Diário Oficial da União – DOU, em 05 de setembro de 2018, à folha de número 172, bolsistas e todos aqueles que tenham recebido auxílio a pesquisa desta Fundação Pública devem fazer referência ao apoio recebido da CAPES em seus artigos, dissertações, teses e quaisquer trabalhos produzidos ou publicados, em qualquer mídia, em quaisquer línguas, que decorram de atividades financiadas, integral ou parcialmente, por este órgão público federal. 

Mais informações em: Portaria_CAPES_DOU_206_de_2018